segunda-feira, 3 de novembro de 2008

.: Brisa da Noite :.

"Brisa da noite que bate no meu rosto.
Sentimento que à superfície aparece.

***
No céu um mar de estrelas emana o seu brilho no meu rosto.
E em ti meu pensamento permanece.

***
Amo-te e adoro-te...
Como nunca pensei que pudesse acontecer.

***
Acompanho-te e acaricio-te,
Nos meus sonhos ao anoitecer."

By Fenix_Violet




1 comentário:

Helder Carvalho disse...

Lindo este poema.
Que esse teu amor se mantenha para sempre...

Helder Carvalho